CONFIANÇA | Reforma da Previdência será aprovada 'com toda a certeza', diz Temer

Notícias

Extra - Uma semana depois de sinalizar que a reforma da Previdência poderia ser rejeitada pelo Congresso, o presidente Michel Temer garantiu que ela será aprovada. Em evento no Palácio do Planalto segunda-feira, minutos antes de o tucano Bruno Araújo se demitir do ministério das Cidades, Temer comparou o país a uma casa em reformas, que tem reclamações durante as obras mas depois receberá aplausos de "todos".

— Quem sabe ainda este ano... Quem sabe, não. Com toda a certeza — tentou consertar Temer quando falava da aprovação da reforma da Previdência.

Na última segunda-feira, ele havia reconhecido que a reforma, travada na Câmara há seis meses, poderia ser recusada pelos parlamentares. Agora, o governo busca desidratar a proposta, com vistas a torná-la mais palatável, principalmente a menos de um ano das eleições gerais. Uma das alternativas estudadas é restringir a reforma à fixação de idade mínima para aposentadoria e ao "corte de privilégios" do funcionalismo públicos, ainda de modo genérico.

O presidente comparou o país a uma casa em obras, que pode estar "feia" e "suja" e receber queixas, mas que depois ficará um "brinco". Ele voltou a falar que quer "cortar privilégios" e "desmentir" supostas informações falsas contrárias ao governo nessa proposta.

— Toda vez que você vai fazer reforma, a casa fica feia, tem problema, suja, areia. Quando você termina a reforma da casa, a casa está um brinco, está uma maravilha, está bonita, adequada, agradável, confortável. E durante a reforma da casa, muita gente reclama. O vizinho reclama que tem poeira, a mulher reclama, porque, afinal, problemas internos... os filhos, porque o quarto de brinquedos ficou com dificuldades. Reforma é assim. E vejam que no Brasil, as reformas que fizemos no Brasil, é a mesma coisa — declarou, em um evento do Cartão Reforma, do ministério das Cidades.

— A casa vai ficar barulhenta, com reclamação, mas vamos levar adiante. E quando a casa estiver pronta, todos irão aplaudir. Não tenho a menor dúvida deste fato — emendou.