O nosso Sindicato Nacional dos Aposentados reproduziu no site oficial uma matéria que saiu no jornal O Estado de São Paulo, na primeira semana de setembro, feita pelos jornalistas Idiana Tomazelli e Vinicius Neder, tratando sobre a entrada do idoso aposentado no mercado de trabalho nesse momento crucial da economia brasileira. Essa nova realidade dos aposentados do nosso Brasil é resultado de estudos do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

In FSP - A situação em que o país vive hoje me fez lembrar de uma análise de John Kenneth Galbraith (1908-2006). Ao descrever a Grande Depressão dos anos 1930, esse celebrado pensador norte-americano observa que muitos economistas da época, como Lionel Robbins na Inglaterra e Joseph Schumpeter nos Estados Unidos, concordavam em que a depressão tinha uma função necessária, terapêutica, e que, portanto, era algo que se devia aceitar com resignação e paciência.

Voltamos a bater na mesma tecla! O desemprego, no nosso País, não para de crescer, enquanto, claro, a produção, o consumo e o PIB nacional despencam. Não à toa o Brasil é o País que mais piora em relação às outras nações emergentes.